segunda-feira, 3 de maio de 2010

Morre Lentamente...



"Morre lentamente quem não viaja, quem não lê, quem não ouve música, quem não encontra graça em si mesmo. Morre lentamente quem destrói o seu amor-próprio, quem não se deixa ajudar. Morre lentamente quem se transforma em escravo do hábito, repetindo todos os dias os mesmos trajetos, quem não muda de marca, não se arrisca a vestir uma nova cor ou não conversa com quem não conhece. Morre lentamente quem faz da televisão o seu guru. Morre lentamente quem evita uma paixão, quem prefere o escuro ao invés do claro e os pontos sobre os "is" em detrimento de um redemoinho de emoções justamente as que resgatam o brilho dos olhos, sorrisos dos bocejos, corações aos tropeços e sentimentos. Morre lentamente quem não vira a mesa quando está infeliz, quem não arrisca o certo pelo incerto para ir atrás de um sonho, quem não se permite pelo menos uma vez na vida fugir dos conselhos sensatos. Morre lentamente, quem passa os dias queixando-se da sua má sorte ou da chuva incessante. Morre lentamente, quem abandona um projeto antes de iniciá-lo, não pergunta sobre um assunto que desconhece ou não responde quando lhe indagam sobre algo que sabe. Evitemos a morte em doses suaves, recordando sempre que estar vivo exige um esforço muito maior que o simples fato de respirar. Somente a perseverança fará com que conquistemos um estágio esplêndido de felicidade."


(Martha Medeiros)

9 comentários:

Crys disse...

Adoro tudo que Martha escreve...bela escolha amiga linda ...bjs e uma ótima semana pra ti tmb

Luciana disse...

Oi Miss
Que lindo esse texto da Martha parabéns amiga
Boa semana
Bjs
Lu

José Sousa disse...

Lindo, lindo. O Blog está de mais! Bonito o seu blog e o que escreve. Prsabéns. Sou um amante e defensor da natureza. Vivi 14 anos dentro de selvas e savanas em Angola. É pena que o ser Humano está destruindo a riqueza que a natureza nos oferece. Consuulte meus blog's, eles tem muita coisa que poderá ler e deixer um comentário.
www.congulolundo.blogspot.com
www.queriaserselvagem.blogspot.com
Um abação.

carol sakurá disse...

Belo texto!
Entre a vida e a morte está a escolha.
Bjs!

Pelos caminhos da vida. disse...

Esse texto de Martha é fantastico.

beijooo.

Hana disse...

Seu post minha linda esta lindo, estimulante reconfortante, vc é demais, nossa é uma super lição de vida um ensinamento profundo adorei, morremos ao perder tempo com coisas ruins, ou deixando de fazer coisas belas como no seu post, maravilha de post, (esta menina me amta de orgulho.rsssss) beijos
com carinho
Hana

Hana disse...

Lindo seu post, é uma lição maravilhioso, morremos ao deixar defazer coisas boas, e morremos quando pensamos em coisas ruins, este post ta maravilhoso, (esta menina me mata de orgulho.rsss) beijos.
beijos
com carinho
Hana

Nato disse...

olá..

to aqui para agradeçer as suas palavras la no meu
blog , realmente fiquei muiito feliz, parabéns pelo post, conserteza uma otima escolha
.
volte sempre

caos mundial

Kézia Lôbo disse...

Martha e demais e esse texto ta super!!!