segunda-feira, 22 de fevereiro de 2010

Poema da prosperidade


Nem a tristeza, nem a desilusão, nem a incerteza,
Nem a solidão, nem o desespero, nem a descrença,
Muito menos o ódio ou alguma ofensa,
NADA ME IMPEDIRÁ DE SONHAR
Em meio às trevas, entre os espinhos,

nas tempestades e nos descaminhos,
NADA ME IMPEDIRÁ DE CRER EM DEUS
Mesmo errando e aprendendo, tudo me será favorável,
Tudo me será necessário, para que eu possa evoluir,
Preservar, servir, cantar, agradecer, perdoar, recomeçar...
Quero viver o dia de hoje como se fosse o primeiro,
Como se fosse o último, como se fosse o único.
Quero viver o momento de agora como se ainda fosse cedo
Como se nunca fosse tarde.
Quero manter o meu otimismo, conservar o meu equilíbrio,
Fortalecer a minha esperança, recompor as minhas energias,
Para prosperar na minha missão e viver alegre todos os dias.
Quero caminhar na certeza de chegar,
Quero buscar na certeza de alcançar,
Quero lutar na certeza de vencer,
Quero plantar e esperar
Para poder realizar os idéias do meu ser
Enfim, quero dar o máximo de mim,
Para viver INTENSAMENTE e MARAVILHOSAMENTE
TODOS OS DIAS DE MINHA VIDA!
Que eu lembre sempre: QUERER É PODER!
Tudo que eu desejar na vida, certamente alcançarei,
Pois a vida, é este GRANDE MOMENTO DE TODOS NÓS!!

Luizinho Bastos

Um comentário:

Alma Inquieta disse...

Olá!

Lindo este post, assim como o teu blog!
Realmente querer é poder e ninguém pode tirarnos a capacidade de sonhar!!!

Um beijo.